Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Consultório de Moda

Neste consultório encontra informação e aconselhamento sobre moda, imagem e beleza pela estilista e consultora de moda Olga Cardoso Pinto. Temas sobre tendências, novidades e dicas para estar sempre atualizada!

  • NESTE CONSULTÓRIO ENCONTRA INFORMAÇÃO E ACONSELHAMENTO SOBRE MODA, IMAGEM E BELEZA. TEMAS SOBRE TENDÊNCIAS, NOVIDADES E DICAS PARA ESTAR SEMPRE ATUALIZADA!
  • Notícias

    H&M põe os homens na moda

     

    Quem disse que a moda masculina tem de ser “cinzenta” e aborrecida? A H&M está decidida a mudar a forma como se olha para a moda masculina, lançando uma nova colecção dirigida a todos os homens que gostam de estar na moda e não têm medo de arriscar num visual mais ousado.

    dummy

    H&M põe os homens na moda

    Está na hora dos homens terem mais da moda. A partir da próxima estação, em 30 lojas espalhadas pelo mundo, a H&M vai levar a moda masculina para o próximo nível. Com uma nova selecção mais actualizada, a H&M vai dar aos homens acesso às tendências mais at6ractivas. A primeira colecção chega já a meados do corrente mês.

    «Este é um conceito muito aliciante, com um nível de moda muito mais elevado», explica Ann-Sofie Johansson, directora de design da H&M. «Os homens ficaram mais interessados na moda e arriscam mais no que respeita aos detalhes e silhuetas, o que é óptimo de ver».

    Nas 30 lojas obrigatórias, a H&M vai oferecer aos homens a melhor fast-fashion. A colecção cápsula passa pelas grandes ideias – macacões, casacos em pele falsa –, peças onde o design inteligente é puxado ao limite. Actualmente, o vestuário de homem tem tudo a ver com escolha, o que significa que esta tem de ser variada. Os estilos de calças, por exemplo, incluem todas as principais formas, de largas a justas, passando pelo estilo Jodhpur.

    O xadrez é a grande afirmação de moda do momento, em camisas largas para usar ao fim-de-semana ou calças, para os que querem uma mudança do seu visual diário. As malhas estão em destaque, com os designers da H&M a “abusar” dos volumes, transformando cardigans em roupa exterior e tornando um cachecol enorme na peça principal de um visual.

    Com efeito, os acessórios são uma grande parte do mundo da moda, como os cachecóis em pele falsa, para juntar um toque de luxo ao visual, ou a mala em pele castanha brilhante para usar no dia-a-dia.

    O conceito da colecção passa pelos artigos “muito moda” a preços acessíveis, com os tradicionais tons de preto, branco e cinzentos com apontamentos de cor, e tecidos como algodão, lã, flanela e peles falsas.

     

    A nova colecção não chega, por agora, a Portugal, mas estará à venda na vizinha Espanha e também na Áustria, Bélgica, Canadá, Hong Kong, Dinamarca, França, Alemanha, Itália, Japão, Holanda, Suécia, Suíça, Reino Unido e EUA. 

    O retalhista sueco espera, assim, manter a tendência positiva que tem registado este ano, quase “ignorando” o clima económico negativo e mostrando bons resultados. Depois de ter conseguido um aumento de 8% em Junho (ver Prova superada), a H&M voltou a crescer em Julho, com o total de vendas a aumentar 15%. As vendas comparáveis registaram um crescimento de 3%, recuperando do declínio de 2% registado em Junho. No final de Julho, a H&M operava 1.601 lojas, um número superior ao registado em 31 de Julho de 2007, data na qual a retalhista sueca tinha 1.422 lojas.

    Este número, no entanto, já sofreu um aumento, visto que a H&M abriu no início de Setembro mais uma loja no Médio Oriente. Desta feita foi a vez do Barhein, que assistiu à abertura de uma loja no centro da cidade, com 1.300 m², onde são propostas as colecções de mulher e criança.

    Até ao final do ano, o número de pontos de venda deverá continuar a aumentar, já que estão previstas mais aberturas, nomeadamente para o Japão (ver Japão seduz H&M).

     

     

    in Portugaltêxtil

    http://www.portugaltextil.com/Default.aspx

     

    Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
    Copyright . Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da autora deste blog.