Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Consultório de Moda

Neste consultório encontra informação e aconselhamento sobre moda, imagem e beleza pela estilista e consultora de moda Olga Cardoso Pinto. Temas sobre tendências, novidades e dicas para estar sempre atualizada!

  • NESTE CONSULTÓRIO ENCONTRA INFORMAÇÃO E ACONSELHAMENTO SOBRE MODA, IMAGEM E BELEZA. TEMAS SOBRE TENDÊNCIAS, NOVIDADES E DICAS PARA ESTAR SEMPRE ATUALIZADA!
  • Notícias

    foto artigoOs Multimilionários do Mundo da Moda
     

    Quem tem as grandes fortunas faz tudo para não aparecer! Aproveite agora para conhecer quem gere milhões neste negócio.

     

     

     

    Andrew Farrel
    20 de Maio de 2008

     

    Quando pensa em fortunas e moda, alguns nomes vêem-lhe à cabeça: Ralph Lauren, Giorgio Armani, talvez Benetton. E que tal Amancio Ortega? Diz-lhe alguma coisa? Não, e por uma boa razão. Muito embora esteja bem no topo de uma indústria em que andar nas bocas do povo é essencial, Ortega não fala à comunicação social. Além disso, apesar de ter ganho milhões e milhões de dólares com a sua empresa de roupas de grande sucesso, raramente usa uma gravata e frequentemente veste calças de ganga..

     


    Filho de um trabalhador dos caminhos-de-ferro, Ortega começou a fabricar vestidos e lingerie na sua sala-de-estar, há 45 anos, com a ajuda da sua mulher. Hoje em dia, esse negócio dá-se pelo nome de Inditex, uma das grandes potências da indústria da moda com 3825 lojas em 68 países, incluindo populares cadeias de roupa como a Zara. A fortuna de Ortega tornou-o na 22º pessoa mais rica do mundo, segundo a nossa lista anual dos Multimilionários Mundiais, publicada em Março. De acordo com os nossos cálculos, o património líquido do espanhol cifra-se nos 20,2 mil milhões de dólares.

    Aqui reside a ironia da indústria da moda. Ainda que você conheça as marcas, estilistas e supermodelos, provavelmente nunca ouviu falar das pessoas que de facto conduzem o espectáculo. Apesar de determinarem os gostos de milhões de pessoas – e ganharem milhões e milhões ao fazê-lo – os seus nomes são em grande parte desconhecidos para a maioria das pessoas.

    Outro multimilionário do mundo da moda: Stefan Persson. Quem? Aqui vai uma pista: há 26 anos, o sueco assumiu o negócio Hennes & Mauritz, fundado pelo seu pai. Ainda não sabe quem é? Hoje em dia, a cadeia é mais conhecida como H&M. A marca mantém as suas linhas na moda trabalhando com estilistas famosos, como Karl Lagerfeld, e mantendo os preços baixos. O resultado é muitas vendas e muitos milhões para Persson. No ano transacto, as receitas anuais da empresa atingiram os 15 mil milhões de dólares, sendo que o património líquido de Persson chegou aos 17,7 mil milhões de dólares, segundo as nossas estimativas.

    E os irmãos Alan e Gerard Wertheimer? Controlam a Chanel, fundada pela sua avó Coco Chanel. A marca continua a ser uma das mais cobiçadas no mundo, segundo a opinião do director artístico, Karl Lagerfeld. A sua próxima grande oportunidade é a China. Um inquérito recente sobre os abastados chineses revelou que a Chanel é a marca de luxo que preferem.

    Tadashi Yanai, com uma fortuna avaliada em 3,6 mil milhões de dólares, criou a Uniqlo, uma popular marca de roupa a preços baixos por vezes referida como a versão japonesa da Gap. Ainda não ouviu falar dele? Mas olhe que ele vai dar que falar. Yanai virou agora as atenções para a internacionalização. No final de 2006, a cadeia abriu uma grandiosa loja emblemática em Nova Iorque no popular SoHo. Em 2009, será inaugurada uma outra loja similar em Paris. Yanai quer chegar aos clientes de alto nível ao mesmo tempo que se internacionaliza. No ano passado, tentou comprar sem sucesso a Barneys, uma cadeia de armazéns de moda de luxo.

    Depois ainda há Bernard Arnault. Famoso em França, onde é o homem mais rico do país, Arnault é mais conhecido pelas marcas que a sua empresa LVMH Moët Hennessy Louis Vuitton detém: Louis Vuitton, Marc Jacobs, Fendi, Thomas Pink e Donna Karan.

    Com um património líquido de 25,5 mil milhões de dólares, Arnault ficou no 13º lugar da nossa lista dos multimilionários mundiais publicada em Março e em primeiro lugar no que se refere ao mundo da moda. Porém, Arnault não iniciou a sua carreira na indústria. Com formação em engenharia, só entrou no negócio dos bens de luxo em 1985, altura em que usou o dinheiro da empresa de construção da sua família para comprar a Christian Dior. Podemos dizer que aprendeu o ofício depressa.


     

     

    in www.mulher.sapo.pt 

    Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
    Copyright . Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da autora deste blog.